Vereador sugere que prefeito tome decisão drástica em relação ao Hospital Regional

05 de agosto de 2017, 12:41

“Se Dr. Rui não tivesse tomado uma decisão enérgica, até hoje o Hospital Teixeira estaria nas mãos de uma família”

O vereador Pedro Nascimento (PMDB) sugeriu durante a última sessão da Câmara de Vereadores de Jacobina, na quarta (02), que o prefeito Luciano Pinheiro (DEM) tome uma decisão drástica em relação ao Hospital Regional Vicentina Goulart.

Segundo o edil, antes a direção do Regional culpava o ex-prefeito, Rui Macedo (PMDB), pelo seu fechamento. “Alegavam que o ex-prefeito perseguia o hospital, que era contra. Agora entra um prefeito aliado e o Regional continua fechado. Será que a culpa é dos prefeitos?”, questiona Pedro.

Ele segue enfático e usa o Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho (HMATS) para embasar a sua proposta: “Se as pessoas que administram o hospital não quiserem entrar em acordo não tem prefeito que abra o hospital. Mas uma atitude pode e deve ser tomada pelo prefeito atual. É possível transformar o Regional em um hospital de fato e de direito da população de Jacobina. Vejam o exemplo do Teixeira, se o ex-pregeito não tivesse tomado a atitude de municipaliza-lo, até hoje o hospital estaria nas mãos de uma família!”.

“Sugiro que Luciano Pinheiro, caso não chegue a um acordo com a direção do Regional, tome uma atitude drástica e desaproprie o hospital pelo bem da coletividade”, finalizou.

Em recente reunião, o Ministério Público disse que não aceitaria que a Prefeitura tirasse dinheiro do HMATS para pagar ao Regional pelos mesmos serviços que o Teixeira ja vem prestando.

DIVULGUE A NOTÍCIA

FACEBOOK

INSTAGRAM